Disco menstrual: entenda como funciona o coletor

Aqui, te contamos os detalhes de mais uma alternativa sustentável para o período da menstruação – o disco menstrual

Já ouviu falar em disco menstrual? Não, não estamos confundindo com o coletor. Aliás, eles são muito parecidos: ambos são reutilizáveis, ou seja, são uma alternativa sustentável para o período. A grande diferença, e até mesmo vantagem, do disco é o uso durante as relações sexuais.

“A diferença entre eles é que o coletor se posiciona logo na entrada da vagina. Já o disco, fica no fundo, recobrindo o colo do útero e, assim, permitindo penetração durante a relação sexual”, explica Thalita Domenich, ginecologista e consultora do Tarja Rosa.

As outras características do disco menstrual são muito semelhantes as do copinho: não atrapalha as atividades físicas e pode ser usado por até 12 horas. As orientações para colocar e retirar o disco também são iguais ao coletor – e você pode conferir tudo neste guia do copinho.

Se ainda restar dúvidas sobre o disco menstrual, ou qualquer outro tipo de alternativa ao tradicional absorvente, converse com seu ginecologista. Ele vai te ajudar a escolher o melhor método para você!

Acompanhe a gente ;)

Veja mais do Tarja ?

Relacionados