Dia Internacional da Luta contra a Aids: entenda o assunto

Esta quarta-feira marca o dia internacional para a conscientização sobre a Aids. Aqui, o Tarja te explica mais sobre o assunto – e desmistifica o tema!

O Dia Mundial de Combate a Aids é comemorado anualmente em 1o de dezembro. Seu principal objetivo é alertar toda a sociedade em relação ao combate da doença, importância da prevenção e esclarecer dúvidas e desinformações que ainda cercam o tema.

A data foi escolhida pela Organização Mundial de Saúde e é celebrada desde 1988 no Brasil – um ano após a Assembleia Mundial de Saúde fixar o dia no calendário de diversos países. Para falar mais sobre o assunto, o Tarja Rosa conversa com a consultora e ginecologista Thalita Domenich!

O que é Aids?

Aids é a síndrome da imunodeficiência adquirida. A doença é viral e ataca o sistema imunológico do paciente, favorecendo infecções secundárias e podendo comprometer gravemente a saúde. “O dia primeiro de dezembro deve servir para desenvolver e reforçar a necessidade do esforço mundial na luta contra esse diagnóstico”, explica a médica.

Como ocorre o contágio?

Entre as causas da transmissão da Aids, Thalita destaca relações sexuais desprotegidas com alguém contaminado, transfusão sanguínea de sangue com o diagnóstico, acidentes com agulhas infectadas, compartilhamento de agulhas para administração de drogas intravenosas e transmissão da mãe para o feto na gravidez. No caso de crianças, o contágio mais provável é o passado de forma vertical, ou seja, da mãe para o feto. Entre os adolescentes, a causa mais comum está no sexo sem o uso de preservativos.

Existe tratamento? É possível viver com a doença?

Sim! Existe tratamento com agentes antivirais que controlam a doença, mas não a curam. “Por meio do tratamento e acompanhamento adequado é mais do que possível levar uma vida como outra qualquer”, esclarece a especialista.

Leia também: É possível portar o vírus HIV e não transmiti-lo?

E qual a importância de ter um Dia Mundial de Luta contra a Aids?

Até os estudos mais recentes, a Aids é uma doença incurável, por isso são necessárias medidas de prevenção ainda mais eficazes. O objetivo da instituição do Dia Mundial da Aids é chamar a atenção das pessoas para o tema – da prevenção ao tratamento, e eliminar o preconceito.

É importante reforçar que o contágio não acontece simplesmente apertando as mãos ou abraçando um paciente. Assim como provar que as pessoas com o resultado positivo
podem trabalhar normalmente e estabelecer relacionamentos.

Além disso, é preciso assegurar que é possível conviver com a doença! No entanto, devemos também estar atentos à sua disseminação. Ou seja, não é um dia exclusivo para informações relacionadas ao âmbito da saúde, é também para reforçar a prevenção e desmistificar o tema.

Acompanhe a gente ;)

Veja mais do Tarja ?

Relacionados